W40K adaptado para seu RPG

Você pode gostar...

10 Resultados

  1. Marcos "Rickmaru" Henrique disse:

    Não tive a oportunidade de jogar W40k, mas já vi os livros e eles são muito lindos, e pelo que vejo é um mundo realmente vasto, vai ser um trabalho em tanto pra adaptar, mas pela falta de acesso a artigos do RPG, pelo menos pra alguns (Eu principalmente kkk), vai ser legal conhecer mais sobre o cenário. Tu manja das paradas e vai trazer essa riqueza pra os RPGs mais populares. Tô gostando de acompanhar os posts. Falou Kirlian.

  2. Será FATE Core ou Acelerado? Seria bom que fosse adaptação para ambos. Curto muito Old Dragon e também tenho interesse de ver War Hammer para Dungeon World!

  3. Carlos Augusto disse:

    Será para FATE Core, David. Eu sou partidário de que QUALQUER coisa pode ser adaptada pro acelerado assim na hora. 😀 Na verdade é só desculpa pra justificar a falta de tempo pra adaptar mais sistemas :p

  4. Ruschil disse:

    Interessante achar um site BR de warhammer.
    Mestro no savage worlds e se houve uma adaptação seria muito legal, pretendo apresentar o universo warhammer 40k a meus jogadores mas sem sistema nao rola e minha caça por adaptações veem sido decepcionante kk

    • 3Darkman disse:

      Sei bem como é isso…. apesar de ter os livros do RPG da FFG, não gostei do sistema e por isso parti para esta adaptação… infelizmente o lançamento da nova edição do W40K está impactando bastante no meu tempo livre, e encontro-me impossibilitado em continuar o projeto por enquanto.

      Pelo menos tivemos uma boa noticia, ao saber q um novo RPG de W40K encontra-se em desenvolvimento.

  5. Cássio Alves Cavalcante disse:

    Queria conhecer o sistema original e não uma conversão pra outro sistema! Dentre os 4 sistemas apresentados o que acho mais compatível pra esse gênero é o SW.

    • 3Darkman disse:

      olá cássio, seja bem vindo.

      Infelizmente essa adaptação está parada já faz um tempo.

      Em todo caso, um novo sistema de Warhammer 40K foi lançado, chamado Wrath & Glory. Infelizmente o livro foi muito mal feito, apesar do sistema interessante, e a empresa que o fez acabou cedendo o direito sobre ele para a Cubicle 7, que está dando um banho de perfume no livro, e deve relança-lo muito em breve.

      Pessoalmente eu gostei muito mais desse sistema, apesar que os livros do sistema anterior eram muito bonitos….. se tiver interesse, inclusive estou vendendo alguns desses livros.

  6. Arthur disse:

    Concordo com o redator.. Os sistemas e Livros são lindos mas a Gameplay é muito chata. Eu sou fã desde 2009 e meu primeirocontato foi dentro de uma loja da workshop Games em San Ramon-CA. Aqui no Brasil eu joguei diversos Rpgs mas nenhum me fez mais realizado tanto como jogador quanto mestre do que Tormenta da Jambô. Eu amo sistemas d20 e tenho tentado a algum tempo adaptar algumas coisas. Infelismente sempre acabo transtornado com o ploblema de múltiplas Raças. Apresentar um número de “raças” jogáveis satisfatórias pode confundir demais os jogadores que possuo. Além de que a única experiência com 40k que eles têm vem do Dark Crusade que eu dei de presente pra eles
    . Aceito dicas se alguém estiver disposto a Ajudar.

    • 3Darkman disse:

      Olá Arthur, seja bem vindo.

      Confesso que não sou fã do d20, mas uma dica que lhe dou é: faça sua mesa só com humanos ou só com uma raça q vc escolher. Isso facilitaria sua vida pra explicar as coisas pros jogadores. Se você olhar direitinho as versões de RPG já lançados para o 40K, eles fazem exatamente isso, por mais q eles permitam q vários raças sejam jogáveis, as campanhas sempre se focam em uma ou no máximo duas, baseando-se no tipo de aventura q vc quiser, afinal de contas, a maioria das raças são inimigas, então é bem raro ve-las trabalhando em conjunto.

  1. 25/02/2017

    […] bem, como dito no artigo anterior, falaremos um pouco sobre eles e sua relação com o universo à sua volta (na verdade todo o texto […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *